Uma homenagem a Stieglitz

Estou lendo um excelente livro (O Instante Contínuo, de Geoff Dyer) e, na leitura da tarde de hoje passei pelos comentários sobre as fotos “Equivalentes” do Stieglitz, o que me inspirou a criar este pequeno ensaio.

Stieglitz Blue - Jaime Scatena

Apesar de levemente AZUL, o cheiro era de chuva. Aquele cheiro característico que chega muito antes das gotas. Cheiro de terra molhada. Mas, mesmo com cheiro de chuva, o céu ainda era manchado de azul.

Segundo Dyer: “As fotografias de nuvens feitas por Stieglitz eram,nas palavras do próprio fotógrafo, manifestações ‘de uma coisa que já tomava forma dentro de mim’. (…). ‘Eu queria fotografar nuvens para descobrir o que havia aprendido, durante quarenta anos, sobre fotografia. Expor, através de nuvens, minha filosofia de vida – mostrar que minhas fotografias não eram resultados de conteúdo'”. Dyer continua dizendo que “algumas das primeiras fotos mostram céu e nuvens sobre terrenos e árvores (…). Aos poucos, porém, as fotos se tornam cada vez mais abstratas – ‘muito distantes do mundo’, como se expressou O’Keeffe” (Georgia O’Keeffe foi casada com – e modelo de – Stieglitz durante muitos anos).

Stieglitz Shades of Orange - Jaime Scatena

No final a chuva que havia cheirado antes não veio e o céu se inundou de um LARANJA difícil de descrever. Principalmente porque ele não estava sozinho, mas acompanhado de amarelos, rosas e vermelhos.

Eu tenho uma visão da vida e tento encontrar equivalentes para ela na forma de fotografia.

Alfred Stieglitz (1864 – 1946)

Stieglitz Dusk is coming - Jaime Scatena

Enquanto a tarde caía, um lado do céu estava inundado de laranja, enquanto o outro ainda apresentava um tom azulado poético. Engraçado como chamamos este AZUL SUAVE de "azul calcinha"... é uma coisa puramente brasileira, não é?

Vi estas fotos, as tais Equivalentes – fotos de nuvens – em fevereiro deste ano em uma bela mostra no Metropolitan Museum of Art, de Nova York. Porém só fui entende-las de verdade agora, lendo a respeito neste livro. Tem uma mostra destas fotos neste link, da George Eastman House (Eastman foi o fundador da Kodak).

Alfred Stieglitz (January 1, 1864 – July 13, 1946) was an American photographer and modern art promoter who was instrumental over his fifty-year career in making photography an accepted art form. In addition to his photography, Stieglitz is known for the New York art galleries that he ran in the early part of the 20th century, where he introduced many avant-garde European artists to the U.S.

via Alfred Stieglitz – Wikipedia, the free encyclopedia.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: