Archive for fevereiro, 2010

10/02/2010

©JKS Photography chega à foto número 100


Criado em 1º de dezembro de 2009, mas com as primeiras imagens publicadas somente durante o mês de janeiro de 2010, o meu website dedicado à fotografia – ©JKS Photography – acaba de publicar a foto número 100.

A foto abaixo, que batizei de “Frozen Time” foi a centésima imagem a ir ao ar.

Frozen Time, Luzern/2009

100th Picture at ©JKS Photography: Frozen Time, Luzern

Escolhi esta foto por ela ser uma de minhas preferidas já há algum tempo, mas é de uma série que eu pouco visito e que ainda não tinha colocado nada no site – fotos da minha viagem de trem pela Suíça. Esta, especificamente, que cria um belo contraste entre a fonte e a fachada do Museu de Arte de Lucerna, onde uma Roda Gigante é refletida, é uma foto que mostra bem meu estilo de registrar contrastes entre elementos que passariam batidos por outros fotógrafos.

©JKS Photography em números (na madrugada do dia 10/02/2009):

– 95 posts – mais quatro que foram publicados na manhã de 10/fev, mais o 100º.

– 564 visualizações

– Dia mais movimentado: 25/jan/2010, com 153 visitas (quase 1/3 do total)

– Visitas médias diárias: 13 em janeiro e 25 em fevereiro (até agora)

– Foram usadas 66 categorias e 203 tags nos posts

Gostou? Divulge, por favor!

Um grande abraço,

Jaime K. Scatena

JKScatena

JKScatena

08/02/2010

Foto nova na área – Salzburg


Já tem foto nova no fotojks.wordpress.com, saídas do forno!

Na verdade são fotos da viagem de 2009 para a Áustria, mas ainda não publicadas. E, por hoje, apenas um pedaço da série de Salzburg tá ido ao ar. Amanhã tem mais.

Salzburg-Mosaico

Salzburg-Mosaico

02/02/2010

Tem foto nova! 02/Fev/2010


As 8 fotos colocadas hoje já estão lá no fotojks.wordpress.com

Nesta seleção eu termino com as imagens que usei nos meus Posteres e Postais de 2009. Aliás, acabei de lembrar, que preciso divulgar que estas, especificamente, já estão à venda (e algumas até vendidas).

Vou preparar uma página explicando tudo isso.

Mosaico-02-Fev-2010

02/02/2010

Dica Rápida – Almoço legal em Londres


Mosaico Heddon Street

A área em torno da Regent St. é uma das mais famosas para compras na capital inglesa, se não uma das mais charmosas do mundo. A concentração de lojas de luxo por metro quadrado é de deixar qualquer um maluco e a diversidade também surpreende, já que ao lado de uma tradicionalíssima loja de perfumes, como a Penhaligon’s, tem uma magnífica loja da National Geographic, com tudo para viagens e viajantes. Alguns metros depois tem a também tradicional Burberry, com seus trenchcoats e a alguns passos dali está a Carnaby St., com lojas onde se encontra tudo que está na moda (ou que estará daqui a algum tempo).

Como explorar tudo isso dá fome, a Dica Rápida de hoje (a primeira de uma série) é a Regent St. Food Quarter. Sim, uma “praça de alimentação”, mas ao estilo londrino, é claro! Situado na Heddon St., bem perto do Piccadilly Circus – já quase na “curva” da Regent St., uma rua que faz um “U”, começando e terminando na Regent, é um quarteirão com diversos restaurantes e cafés, todos bastante interessantes e super bem frequentados, tanto na hora do almoço quanto para um happy hour e/ou jantar.

Para um almoço saudável vá até o charmoso Tibits, (12-14 Heddon Street), o primeiro restaurante a quilo de Londres, que serve diariamente pratos bastante diversos e saborosos, privilegiando alimentos orgânicos em seu cardápio.

01/02/2010

Novas Fotos – Buenos Aires, 01 de fevereiro


Já estão no fotojks.wordpress.com novas fotos de Buenos Aires (as fotos são de 2008, mas são novas aqui no site…).

Buenos Aires - Mosaico

Buenos Aires - Mosaico

01/02/2010

Deu no NYT – 36 horas em Buenos Aires


O jornal americano The New York Times, um dos mais conhecidos  e influentes da América tem uma coluna semanal em seu caderno de viagens intitulado “36 horas em ______”, que dá dicas para um final de semana curto em alguma cidade do mundo.

A última, publicada no dia 31 de janeiro, fala de Buenos Aires e vou repassar aqui algumas dicas desta coluna.

Buenos Aires - Mosaico

Buenos Aires - Mosaico

A abertura do texto está em uma tradução livre e para as dicas propriamente ditas, usarei textos meus a partir do original da coluna. Ah! E, exceto quando indicado, as fotos são minhas.

Obelisco da Av. Nove de Julho

Obelisco da Av. Nove de Julho

“A história contemporânea argentina é um montanha russa de sucessos e fracassos econômicos, um cenário para novelas políticas. Mas atravessando estes altos e baixos uma coisa se manteve constante: a graciosa elegância e o charme cosmpolita de Buenos Aires. Esta charmosa cidade continua a atrair amantes da gastronomia, loucos por design e festeiros, com sua agitada vida noturna, estilo super “pra frente” e a favorável taxa de câmbio. E mesmo com a incerteza da econômica, a energia criativa e o espírito empreendedor dos porteños (como são conhecidos os habitantes locais) permanece, é só ver a crescente lista de espaços para artes, butiques, restaurantes e hotéis.”

A primeira dica é de uma galeria de arte que apresenta somente arte de rua e um impressionante mural que decora a fachada externa da Hollywood in Cambodia. Tem até um tour pelos Graffitis da cidade, com a Graffitimundo. Uma dica de loja é a Nobrand (uma corruptela da frase em inglês No Brand, ou ‘Sem Marca’), que reinventa produtos argentinos com um toque de cartoon.

El Ateneo de la Av. Santa Fe

El Ateneo de la Av. Santa Fe

Outra dica se aproveita da música ao vivo na vida noturna de Buenos Aires e indica um jazz club, o Thelonious Club.

Para um tradicional jantar à meia noite – hábito típico porteño – a recomendação do NYT é o intimista Tegui, uma adição interessante ao cardápio de restaurantes “escondidos” da cidade.

Já para o almoço do dia seguinte, a dica é a churrascaria (parilla) Miranda, que junta uma decoração legal e equipe “hipe”, mantendo a parrilla bem tradicional, sem frescuras.

Mais uma dica de arte é visitar o museu do artista surrealista argentino Xul Solar, com 86 de suas obras, que incluem desde cartas de tarô a um piano com teclas colorido

Banda de rua no Mercado de San Telmo

Feria de San Telmo, Buenos Aires/2008

Pra fechar a lista, a coluna indica ainda a casa noturna Tequila, as lojas Zavaleta Lab e Niño Bien e até uma operadora de turismo que oferece passeios a jogos de futebol, com guias bilingues e tudo (Go Football).

Para mais informações, aqui tem o slide show do NYT e também um mapa com as dicas da coluna.

Da minha parte, recomendo sempre um passeio pelo belo Puerto Madero, a Livraria El Ateneo e o mercado de San Telmo (este só aos sábados), meus locais preferidos de Buenos Aires.

%d blogueiros gostam disto: